quinta-feira, 14 de outubro de 2010

José - De escravo a governador do Egito


Gênesis 37-50

José foi rejeitado pelos seus familiares, vendido como escravo por seus irmãos (Gn. 37: 20 - 36), acusado e preso mesmo sendo inocente (Gn. 39: 7- 20). Mas quando foi vendido como escravo se tornou mordomo de Potifar (Gn. 39: 1-6) e tinha todas as coisas dele confiadas em suas mãos. Quando preso, o carcereiro confiou a José todos os presos que ali estavam (Gn. 39: 21-23). E tempos depois se tornou GOVERNADOR DO EGITO, onde só Faraó era maior que ele naquela terra (Gn. 41). Isso tudo porque Deus era com José e o fazia prosperar por onde passasse.

O que José fez quando foi rejeitado pelos seus e vendido como escravo por seus irmãos?

José não murmurou e nem se rebelou contra Deus. Continuou confiando e honrando a Deus com sua vida. Quando chegou à casa de Potifar este viu que Deus era com José e pos toda sua casa nas mãos do filho de Jacó.

Quantas vezes passamos por decepções, somos abandonados, rejeitados pelas pessoas e nos revoltamos contra Deus como se Ele tivesse nos abandonado. Por mais que TODOS a sua volta te abandonem, se você confiar em Deus, Ele será contigo. Ele te colocará no muito, te honrará, pois você tem honrado o nome d’Ele. Não confie no ser humano, confie em Deus pois Ele não falha.

Porque José foi preso?

A mulher de Potifar se agradou da formosura de José. Depois de várias tentativas frustradas, agarrou José pelas vestes e disse pra ele se deitar com ela. Novamente José se recusa a fazer tal coisa, sai correndo, deixando as vestes nas mãos da mulher. A mulher de Potifar então usa isso e diz que foi José quem queria se deitar com ela. José então é mandado pra prisão. E Deus onde estava?

Deus estava com José e sabia que José não havia feito nada. Então fez com que José achasse mercê perante o carcereiro e este colocou sob os cuidados de José todos os presos e confiou nele. Mais uma vez Deus honrou a fidelidade de José.

José recusou cometer adultério com aquela mulher. Por mais bela que ela fosse e por mais tentador que fosse, José diz que não faria isso com Potifar, pois estaria pecando contra Deus. Ele foi forte. Muitos diriam que ele é louco que recusar uma proposta dessa, que ele “perdeu a chance”. Mas José fez a melhor escolha, a de confiar em Deus, a de seguir os princípios que Deus tinha para sua vida.

Temos feito isso em nossas vidas? Temos buscado a Deus de todo o nosso coração, andando segundo os princípios que Ele tem para nossas vidas. Ou será que temos preferido andar segundo a “modinha”, segundo o que as pessoas ao nosso redor dizem ser o legal, o mais “massa”? Que Deus possa te honrar por você honra-Lo, preferindo seguir o que Ele tem pra sua vida, como fez José.

Como José se tornou governador do Egito?

José na cadeia interpretou o sonho de dois servos de Faraó que estavam presos. Após dois anos Deus manifestou em sonho a Faraó o que havia de fazer, porém nem Faraó nem os seus magos e sábios conseguiram interpretar este sonho. Um dos servos do rei que estava preso, mas fora restituído a seu cargo diz a Faraó que lembrava de José que interpretou o seu sonho na prisão. José então é chamado e interpreta os sonhos de Faraó. Depois de interpretado o sonho, José aconselha a Faraó o que fazer. Faraó então coloca José como GOVERNADOR DO EGITO, para administrar todo o Egito, pois haveria fome. E SOMENTE FARAÓ ERA MAIOR QUE JOSÉ NO EGITO.

Como havia fome por toda aquela terra, Jacó envia seus filhos ao Egito para comprar alimento. Quando eles chegam ao Egito e se prostram diante de José mas não o reconhece, enquanto José reconheceu-os. O que José fez?

José era governador do Egito, podia fazer o que bem entendesse. Naquele momento poderia aprisionar, matar, se vingar de seus irmãos. Porém José escolheu amar e acolher aqueles que o venderam a escravos anos atrás. José se revelou a seus irmãos e chorou muito, a Bíblia diz que José chorou muito mesmo, porque ele não tinha ódio em seu coração. José de maneira incrível, enxerga que Deus tinha um propósito em tudo isso o que aconteceu em sua vida. E perdoa a seus irmãos como se nada houvesse acontecido.

Guardamos tanta mágoa, rancor, ódio. Temos tanta dificuldade em dizer pra alguém: “Eu te perdôo”. Mesmo em situações banais nos recusamos a perdoar. José sabia que a intenção inicial de seus irmãos era matá-lo e mesmo assim deixou pra trás tudo isso. Que possamos amar as pessoas dessa maneira, de modo a acolhê-las mesmo quando erram com agente. Que possamos liberar perdão sempre que preciso for.

José foi um jovem que tantos milhões de anos atrás passou por situações parecidas com o que passamos hoje. Foi rejeitado, tentado, acusado. Tentaram derrubar José e afasta-lo de Deus de qualquer maneira. Mas em todas elas, José confiou em Deus, honrou ao Pai e esperou pra que Deus cumprisse o propósito d’Ele sobre a sua vida.

Por mais que o pecado te atraia, seja uma coisa agradável aos olhos. Por mais que ninguém ligue pra você, te ache um caso perdido. Por mais que todos te abandonem. Por mais que te acusem e te punam injustamente. Por mais que pareça que tudo está perdido, CONFIE em Deus. HONRE o nome de Deus. Seja FIEL aos princípios de Deus pra sua vida. E a única certeza que você terá é que DEUS NÃO TE DESAMPARA. Você verá que Deus vai TE HONRAR por você ter honrado o nome d’Ele e confiado n’Ele.

Deus passou José de escravo para governador de uma grande e poderosa nação, porque José foi fiel a Ele. Seja fiel no pouco, quando tudo parecer difícil, e Deus te colocará no mais alto lugar, será fiel e te ELEVARÁ.

Deus abençoe!

Nenhum comentário:

Postar um comentário